Pular para o conteúdo

Notícias

De Portugal, intercambista incentiva estudantes a participarem do Propicie

INSTITUCIONAL Data de Publicação: 13 nov 2018 08:08 Data de Atualização: 13 nov 2018 09:36

Prestes a completar seu segundo mês em Portugal, o estudante Ernani Antonio Wolter Júnior, do 3º ano do Ensino Médio Técnico Integrado em Alimentos do Câmpus Canoinhas, faz questão de incentivar seus colegas a participarem do Programa de Intercâmbio Internacional para Estudantes do IFSC (Propicie), que está com inscrições abertas para sua 15ª edição até o próximo dia 18. Os selecionados embarcarão na primeira quinzena de março do próximo ano para uma temporada de estudos em uma instituição estrangeira na Alemanha, Espanha, Finlândia ou Portugal. Para esta nova edição, são 13 vagas disponíveis, sendo oito para alunos de cursos técnicos e cinco para alunos de cursos de graduação, com reserva de vagas para ações afirmativas.

Aos 17 anos, Ernani enfrentou não só o desafio de participar de um projeto de pesquisa internacional, mas também de sair de casa sozinho e fazer sua primeira viagem de avião. “Eu sei que, muitas vezes, a gente tem medo de errar, de fracassar, mas o medo é um grande inimigo nosso. Então, resolvi participar com medo mesmo, medo de me afastar da família, medo de não passar, medo de tudo. E, às vezes, este medo é bom para fortalecer mais a gente e dar mais confiança pra gente lutar pelos nossos sonhos”, conta o intercambista.

Ernani chegou em Porto no dia 17 de setembro para uma experiência de três meses em um projeto de pesquisa sobre valorização de resíduos agroalimentares, no Instituto Politécnico do Porto (IPP), cheio de expectativas. “Eu acho que cada vez que um estudante se move, vai para outro lugar, ele aprende muito. Isso muda vidas realmente. E estes estudantes conseguem ter um aprendizado muito melhor. É uma oportunidade que a gente nem tem como agradecer mesmo. É um investimento na educação das pessoas”, ressalta.

Junto com pesquisadores de outros países, ele participa do Grupo de Reações e Análises Químicas (Graq), do Instituto Superior de Engenharia (Isep), uma das oito escolas do Politécnico. O objetivo do projeto é propor soluções de transformação de resíduos e subprodutos em novos produtos de valor agregado e com grande impacto na economia das indústrias alimentar, farmacêutica e cosmética. “Estou mais focado na área de cromatografia gasosa. É um método complicado, avançado, mas agradeço pela oportunidade de absorver tanto conhecimento. Nosso trabalho é avaliar se existem pesticidas, e em qual quantidade, em vários resíduos de macieiras, para verificar se estes produtos estão aptos para serem usados no futuro, para desenvolver novos subprodutos”, explica.

Para Ernani, o Propicie é uma oportunidade maravilhosa de aprendizado. “Estou colhendo tantas coisas boas que nem tem como enumerar aqui. Tudo que eu falar não vai suprir, porque só estando aqui para entender esta sensação que eu tenho de todo dia acordar e ver onde estou e de todo dia ter uma experiência de aprender coisas novas. Eu acho isso muito interessante”, enfatiza Ernani.

Inscrições abertas

Alunos dos cursos técnicos e de graduação podem se inscrever até 18 de novembro na nova edição do Propicie. Para se inscrever, os interessados devem escolher um dos projetos de pesquisa propostos pelas instituições parceiras, descritos nos anexos do edital. Os candidatos devem estar atentos ao cumprimento de todos os requisitos exigidos no edital, como ter mais de 18 anos (ou ser emancipado legalmente), comprovar proficiência em língua inglesa e ter um professor orientador no IFSC para o projeto escolhido.

Os interessados devem ter ainda completado no mínimo 40% da carga horária do curso e ter um coeficiente de aproveitamento acadêmico mínimo de 0,7. No caso de cursos que possuem somente duas fases, o aluno precisa já ter concluído a primeira fase.

As inscrições devem ser feitas exclusivamente pelo formulário on-line disponível na página do Propicie. Após a homologação das inscrições, os candidatos farão exame de proficiência em língua inglesa. O resultado final será divulgado em 7 de dezembro. Consulte o edital para conferir as datas de todas as etapas do processo.

Como funciona

Os estudantes selecionados receberão um auxílio financeiro de R$ 2,5 mil mensais, durante três meses, mais R$ 4 mil como auxílio deslocamento. Os contemplados nas vagas reservadas a ações afirmativas receberão também um auxílio de R$ 2,5 mil para outras despesas.

Todas as providências necessárias para a viagem, como obtenção de visto, passagens, passaporte, seguro ou organização de estadia, são responsabilidade do estudante. O IFSC fornecerá carta de concessão de bolsa e solicitará carta convite às instituições parceiras para apresentação junto aos consulados, se necessário.

Para informações detalhadas sobre como participar do Propicie 15, leia o edital completo. Dúvidas podem ser enviadas para assint@ifsc.edu.br ou tiradas pelo telefone (48) 3877 9010.

INSTITUCIONAL