Pular para o conteúdo

Notícias

Servidor mobiliza alunos para participarem do programa Jovens Embaixadores 2018

CÂMPUS FLORIANÓPOLIS Data de Publicação: 21 jun 2017 21:00 Data de Atualização: 06 fev 2018 15:31

 

O ex-aluno de Química e atual servidor do IFSC Câmpus São José Israel Weingartner está divulgando entre alunos do IFSC as inscrições para o programa “Jovens Embaixadores 2018”. Jovens da rede pública brasileira de 15 a 18 anos, que são exemplos em suas comunidades por meio de sua liderança e voluntariado, excelência acadêmica e conhecimento da língua inglesa, são convidados a se candidatar.


O projeto levará 50 jovens para participar de um intercâmbio cultural de três semanas nos Estados Unidos. Durante esse período, os jovens visitam os principais órgãos da administração pública americana como a Casa Branca e o Departamento de Estado, participam de oficinas de liderança e empreendedorismo, além de atividades de voluntariado.

O interesse de Israel na divulgação do programa não é à toa: em 2014, ele foi um Jovem Embaixador. Com a experiência positiva, ele passou a integrar comunidade Alumni de intercambistas da Embaixada Americana (USBEA-SC). 

Além da idade e de estudar em escola pública, os participantes devem ter pouca ou nenhuma experiência anterior em intercâmbio no exterior, nunca ter viajado para os Estados Unidos, ter boa fluência oral e escrita em inglês, ter excelente desempenho acadêmico, ter perfil de liderança e iniciativa, ser comunicativo e ser engajado em atividades de responsabilidade social,entre outros pré-requisitos.

As inscrições vão até 9 de agosto e podem ser feitas pelo link http://www.jovensembaixadores.org/2018/. Mais detalhes e informações podem ser obtidos na página do programa no Facebook. Os alunos do Câmpus Florianópolis que tiverem interesse em participar e quiserem orientação, podem enviar e-mail para israel.weingartner@ifsc.edu.br

Sobre o Programa Jovens Embaixadores:

Foi criado pela Embaixada dos Estados Unidos no Brasil em 2002 e o primeiro grupo viajou em 2003. Em 2010 o programa passou a ser reproduzido em todos os países do continente americano e foi criado um programa inverso para  jovens norte-americanos representarem os EUA na América Latina. Desde 2003, 517 jovens brasileiros já participaram do programa. Os parceiros nessa iniciativa são: o Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED) e as Secretarias Estaduais de Educação, a rede de Centros Binacionais Brasil-Estados Unidos, e também as empresas FedEx, MSD, Microsoft, Bradesco, IBM e a Boeing Brasil.

Sabrina d'Aquino / Assessoria de Comunicação e Marketing IFSC Câmpus Florianópolis.

CÂMPUS FLORIANÓPOLIS