Pular para o conteúdo

Notícias

Câmpus Tubarão começa a construir novo bloco

INSTITUCIONAL Data de Publicação: 15 mar 2018 15:14 Data de Atualização: 15 mar 2018 15:32

O Câmpus Tubarão do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) está em expansão. Desde 8 de fevereiro, um novo bloco está sendo construído nos fundos do câmpus, que também passa por melhorias. A obra deve ser concluída no final do ano e vai permitir a ampliação da oferta de cursos pela instituição.

Orçado em R$ 2,487 milhões, o novo bloco terá um pavimento e uma área total de 722 metros quadrados. No local, serão construídos oito novos ambientes para salas de aula e laboratórios. A obra está sendo executada pela construtora Suprema Engenharia Elétrica e tem prazo de conclusão para dezembro deste ano. Além da construção do novo bloco, a empresa vai realizar melhorias no câmpus, como a reforma do telhado do bloco principal, danificado pelo temporal de outubro de 2016, e a construção de um muro na parte frontal.

Paralelamente, a direção do Câmpus Tubarão trabalha para encaminhar o destino das construções que pertenciam ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), cuja área foi cedida ao IFSC. A intenção é erguer, no local, novos espaços para uso da instituição.

A construção do novo bloco vai permitir a expansão da oferta de cursos pelo IFSC em Tubarão. Atualmente, o câmpus conta com cerca de 600 estudantes matriculados em seus diferentes cursos: são duas turmas do curso superior em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e uma turma do curso técnico em Desenvolvimento de Sistemas, além de alunos de pós-graduação e de cursos de qualificação profissional. Por falta de espaço físico, alguns cursos de qualificação estão sendo ministrados na Escola Estadual João Teixeira Nunes, que fica próxima ao câmpus.

“A infraestrutura não tem representado empecilho para a abertura de cursos, haja vista a parceria com a Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Tubarão que está permitindo o uso de salas na escola João Teixeira Nunes. Estamos trabalhando pela ampliação do câmpus para viabilizar outras ofertas de cursos que estão planejadas, já que existe uma grande demanda por cursos gratuitos na região de Tubarão, onde o IFSC é a única instituição pública de ensino superior com cursos presenciais”, afirma o assessor da direção-geral, Pierry Teza, que coordena o processo de planejamento da oferta de cursos no Câmpus Tubarão.

O planejamento apontou a demanda na região para novos cursos nas áreas de Gestão e Negócios, Desenvolvimento Educacional e Social e Processos Industriais, além de novas ofertas no eixo de Tecnologia da Informação e Comunicação. Os novos eixos já são contemplados em cursos de qualificação profissional que vem sendo oferecidos pelo câmpus, mas o objetivo ainda em 2018 é implantar o curso técnico em Administração, cuja aprovação ainda precisa passar pelas instâncias internas do IFSC, além de outros cursos técnicos, de graduação, pós-graduação e educação de jovens e edultos (EJA).

INSTITUCIONAL