Pular para o conteúdo

Notícias

Estudante do IFSC integra equipe finalista do Seeds for Future

CÂMPUS SÃO JOSÉ Data de Publicação: 24 jan 2022 10:21 Data de Atualização: 24 jan 2022 10:29

A competição faz parte de um projeto da empresa chinesa Huawei, chamado Tech4All, que busca promover o uso da tecnologia digital para beneficiar as pessoas.

Marcelo Bittencourt do Nascimento Filho, estudante do curso de Engenharia de Telecomunicações do Câmpus São José, foi um dos integrantes da equipe finalista do Seeds for Future. A competição denominada Tech4Good envolveu equipes de todas as partes do mundo e os grupos tinham como objetivo usar a tecnologia para resolver problemas sociais. A escolha dos melhores projetos foi dividida em duas votações: do júri e do público.

A equipe brasileira foi a vencedora na votação pública, que aconteceu nas mídias sociais, mas não se classificou entre as três vencedoras escolhidas pelos jurados. A equipe brasileira, composta por Marcelo e outros dez estudantes de diferentes instituições, foi denominada Digital4People. O projeto desenvolvido foi um sistema de controle do nível de cisternas no sertão cearense. Embora não tenha vencido a competição, Marcelo explica que o processo contribuiu para sua formação profissional: “Com toda certeza eu indico para os alunos do IFSC participarem das próximas edições do Seeds For The Future, eu não me arrependi de nada e garanto que ninguém se arrependerá. O programa me tornou uma pessoa muito mais qualificada para o mercado de trabalho, pois estimula o desenvolvimento técnico e social do aluno, duas características muito importantes para o nosso destaque profissional”.

Etapas do projeto

O estudante conta que o projeto teve início quando os professores Mário de Noronha e Rubem Bergamo o convidaram, junto a outros dois estudantes: Jeneffer Farias Bora Ribeiro e Osvaldo da Silva Neto, para se inscrever no programa Seeds For The Future. Ao serem aceitos, participaram de palestras internacionais, passeios virtuais na sede Huawei na China e cursos disponibilizados na plataforma da empresa voltados para 5G, Internet das Coisas e Inteligência Artificial.

A partir daí, os participantes foram divididos em equipes que deveriam desenvolver projetos envolvendo tecnologia e um problema social. Marcelo explica que sua equipe foi formada por onze alunos, sendo cada um de uma região diferente do país: “o que foi uma experiência incrível para mim. Tivemos a oportunidade de aprender e compartilhar conhecimentos e realidades diferentes das nossas, pois além de conversar sobre tecnologia, discutimos também questões sociais e pessoais que cada um convive em sua cidade”, explica.

->Veja como foi a visita da equipe à sede da Huawei em São Paulo

“Ao vencermos a primeira etapa do Tech4Good, nossa equipe foi selecionada para disputar a final mundial com grupos de estudantes de vários lugares do mundo, sendo ao todo 10 equipes. Nessa fase tivemos reuniões com pessoas qualificadas na área de negócios e desenvolvimento pessoal para podermos melhorar nossa apresentação. Houve duas votações: a do júri e a da audiência. Infelizmente não conseguimos vencer a votação dos jurados, mas conseguimos levar a votação da audiência”.

-> Assista o depoimento do Marcelo durante a 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

CÂMPUS SÃO JOSÉ INTERNACIONAL

Nó: liferay-ce-prod02

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência. Leia Mais.